Cerâmica ou porcelanato: qual o ideal para o seu imóvel?

O imóvel ideal se adapta perfeitamente às nossas necessidades. Mesmo os detalhes precisam de atenção e influenciam em nosso bem-estar. O acabamento, por exemplo, é responsável pela durabilidade do revestimento interno e externo.

Duas opções modernas e muito comuns em imóveis residenciais são os pisos de porcelanato e de cerâmica. Ambos produzidos através de processos parecidos e características próximas, por esse motivo, entender as diferenças é essencial para escolher o melhor para sua residência.

Tanto o porcelanato quanto a cerâmica apresentam aparência lustrosa, com muito brilho, deixando a ilusão de que os ambientes são amplos. Possuem finalização sofisticada, ideal para quem deseja beleza e limpeza fácil. No entanto, o cuidado demanda produtos específicos para garantir longa duração. A instalação é rápida, entretanto, profissionais melhores e mais bem qualificados podem conhecer com mais detalhes as especificações de ambos.

Mas, afinal, como escolher o melhor para você?

Cerâmica

A cerâmica tem composição com cerca de 70% argila, o que garante porosidade, absorvendo mais água. A absorção de água é variável, depende da composição da cerâmica e a temperatura em que foi feita, quanto mais quente menos absorve. No caso da cerâmica, a produção é em menores temperaturas, levando a menor durabilidade, não é extremo, mas algo a ser pensado.

Pouco recomendada para quem mora em regiões frias, pois, pode tornar o ambiente ainda mais frio. Por esse mesmo motivo, pode ser uma boa opção para quem deseja espaços mais frescos.

A qualidade estética é importante. Com diversas variações, a cerâmica pode ajudar quando se deseja uma decoração única.

O maior destaque é que, como a fabricação da cerâmica é menos complexa, o material é mais econômico quando comparado ao porcelanato.

Porcelanato

O porcelanato é consideravelmente mais caro que a cerâmica. Seu método de fabricação é mais complexo, encarecendo o valor passado ao consumidor final. O material também tem maior durabilidade e é mais resistente à absorção de água já que é feito em temperaturas mais altas e tem 70% da composição de minerais rochosos.

Com estrutura uniforme, o porcelanato dificilmente é riscado. Apesar disso, pode perder o brilho com o tempo e sofrer trincas com o mau uso, principalmente, se instalado em locais de grande circulação. Entretanto, isso é evitado com os devidos cuidados.

É ideal para quem deseja um interior atrativo e com temperatura amena, sendo considerado um piso menos frio que a cerâmica.

 

O custo-benefício de ambos os materiais valem o investimento. Portanto, é importante analisar cada característica e decidir a melhor de acordo com as suas necessidades e especificações.

Na Conceito Imóveis você encontra imóveis com revestimento em cerâmica e porcelanato perfeitos para o seu sonho. Entre em contato agora mesmo e conheça nossas opções.

Deixe uma resposta